dstv,TVCine,canais,cinema,star-wars-capa.jpg

Cinema em Julho, nos canais TVCine.

Os canais TVCine oferecemm-lhe este mês uma grande variedade de filmes que vão da acção, à comédia, não esquecendo um clássico de terror e ainda dramas de alta qualidade. Eis as atracções para este mês:

Feliz dia Para Morrer

A Paixão de Van Gogh

Coco

Uma Mulher Fantástica

Triologia: o poder da mudança

O Boneco de Neve

IT

O Quadrado

Assassino Americano

Star Wars: Os Últimos Jedi

Detroit

Pai Há Só Um... Ou Dois

Sorte à Logan

Olha Que Duas

O Gangue do Parque

Feliz Dia Para Morrer

1 de Julho às 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

Quantas vezes é preciso morrer  para mudar o destino?

O que faria se tivesse a oportunidade de reviver, vezes sem conta, o seu último dia de vida? Este é o ponto de partida de Feliz Dia Para Morrer, uma das mais recentes produções da Blumhouse, responsável por grandes sucessos de cinema independente e terror, como Foge e Fragmentado. Feliz Dia Para Morrer é uma comédia de humor negro, que revisita os clássicos de terror dos anos 90. Uma estreia assustadoramente divertida, dia 1 de Julho, domingo, às 21h30, em exclusivo no TVCine 1.

Em Feliz Dia Para Morrer, Jessica Rothe (La La Land: Melodia do Amor) interpreta uma estudante universitária assassinada na noite do seu aniversário. O pânico surge quando a jovem se apercebe que, depois de ser morta, volta a acordar de manhã, reiniciando o mesmo dia vezes sem conta. Presa nesse ciclo repetitivo, a estudante chega à conclusão de que só a descoberta da identidade do seu assassino a poderá salvar do seu trágico destino.

A adaptação de uma estrutura pouco utilizada no universo do terror - a repetição do mesmo dia - confere ao filme uma dinâmica única, que inevitavelmente o compara a O Feitiço do Tempo. Enquanto que na comédia de 1993, Bill Murray utiliza a repetição para testar a melhor forma de conquistar a sua paixão (Andie MacDowell), neste thriller esse dia é ocupado com tentativas para descobrir o assassino e escapar à morte

O elenco conta ainda com Ruby Modine (Central Park), Charles Aitken (The Knick), Israel Broussard (A Descoberta do Primeiro Amor) e Rachel Matthews.

Feliz Dia Para Morrer é realizado por Christopher Landon (Atividade Paranormal: Os Escolhidos), produzido pela Blumhouse (Fragmentado, Foge, Whiplash –  Nos Limites) e escrito por Scott Lobdell em conjunto com o realizador.

Repetição: 11 de Julho, quarta-feira, às 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique 

A Paixão de Van Gogh

1 de Julho, às 22:00 de Angola, 23:00 de Moçambique, no TVC 2

dstv,TVCine,canais,cinema,paixao,van,gohk.jpg

A história de Van Gogh num quadro vivo.

Escrito e realizado pela pintora polaca Dorota Kobiela e pelo marido, Hugh Welchman, 'A Paixão de van Gogh' é composto por 65 mil quadros pintados à mão por 125 pintores clássicos, inspirados a cada sequência por trabalhos específicos do autor. O filme dá vida à obra de Van Gogh como forma de contar a sua história. Porque tão fascinante como sua a obra, foi também a sua vida. Poucos artistas atingiram um estatuto tão lendário quanto ele. Muitas vezes classificado como mártir, louco, génio e até preguiçoso, o verdadeiro van Gogh é revelado através das suas cartas. O próprio artista disse na sua última carta ‘Não podemos comunicar de outra forma que não através dos nossos quadros’. Este é o mote do filme A Paixão de Van Gogh, levando à letra esta reflexão e deixando a arte contar a história real do pintor. O filme desenrola-se em 1891. Um ano após o suicídio de Vincent van Gogh, Armand Roulin (Douglas Booth) encontra uma carta por ele enviada ao irmão Theo, que jamais chegou ao destino. Depois de conversar com o pai, carteiro que era amigo pessoal de van Gogh, Armand é incentivado a entregar ele mesmo a correspondência. Desta forma, parte para a cidade francesa de Arles na esperança de encontrar algum contato com a família do falecido pintor. Lá, inicia uma investigação junto das pessoas que conheceram van Gogh e tenta descobrir as verdadeiras circunstâncias da sua morte. Terá mesmo cometido suicídio?

A Paixão de van Gogh foi inicialmente gravado em imagem real e posteriormente 125 pintores de todo o mundo pintaram à mão frame a frame. O resultado final é uma interação única entre a performance dos actores, enquanto interpretam quadros verdadeiros do pintor. O elenco conta com Douglas Booth (Jupiter Ascending), Eleanor Tomlinson (Poldark), Jerome Flynn (Guerra dos Tronos), Saoirse Ronan (Brooklyn, Lady Bird), Chris O’Dowd (Bridesmaids), John Sessions (Gangs of New York), Aidan Turner (Hobbit), Helen McCrory (Harry Potter) e apresenta Robert Gulaczyk no seu primeiro papel para cinema, como Vincent van Gogh.

Repetição: 17 de Julho, terça-feira, às 15:50 de Angola, 16:50 de Moçambique, no TVCine 2

Coco

6 de Julho, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

Uma celebração musical da morte… ou da vida?

O filme conta a história de Miguel que, apesar da proibição da sua família em relação à música, sonha tornar-se um grande artista, como o seu ídolo, Ernesto de la Cruz. Desesperado para conseguir provar o seu talento e após invocar um feitiço, Miguel é levado até à maravilhosa e colorida Terra dos Mortos, onde encontra alguns dos seus antepassados. Ao longo do caminho, conhece ainda o encantador e vigarista Hector e, juntos, partem numa viagem extraordinária para desvendar a verdadeira história de família de Miguel.

Realizado por Lee Unkrich (Toy Story 3), corealizado por Adrian Molina (artista gráfico de Monstros: A Universidade) e produzido por Darla K. Anderson (Toy Story 3), o filme conta na versão portuguesa vozes de Manuel Encarnação, Mário Redondo, Ana Cloe, Bárbara Lourenço, Maria Camões e Bruno Ferreira

Repetição:

16 de Julho, segunda-feira, às 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique (Versão Original)

17 de Julho, terça-feira, às 13:50 de Angola, 14:50 de Moçambique, no TVCine 1 (Versão Portuguesa)

Uma Mulher Fantástica

6 de Julho, 22:00 de Angola, 23:00 de Moçambique, no TVC 2

Uma nova heroína para a geração fluída

Daniela Vega foi a terceira mulher transgénero que o realizador conheceu na sua pesquisa para o filme, e foi nesse momento que percebeu que o trabalho só faria sentido com uma actriz transgénero. Para o realizador esse facto aproxima o filme, se não do documentário, pelo menos do ‘documento’. “A Daniela Vega confere-lhe uma alma realista. Empurra-o para um território cinematográfico mais complexo, mais provocante e mais precioso.”

Surge assim a história de Uma Mulher Fantástica, Marina (Daniela Vega). Ela é uma empregada de balcão transexual que passa grande parte dos seus dias a tentar sobreviver. Contudo, o seu verdadeiro sonho é ser uma cantora de sucesso e, para isso, canta durante a noite em diversos clubes de cidade. O problema é que, após a inesperada morte de Orlando (Francisco Reyes), seu companheiro, 20 anos mais velho, a sua vida dá uma completa reviravolta. Marina torna-se alvo da hostilidade dos familiares de Orlando, uma família antiquada que rejeita tudo o que Marina representa. Ela terá que lutar com a mesma energia que desde sempre dedicou até se tornar no que é: uma mulher forte, corajosa, digna… uma mulher fantástica

Uma estreia fantástica, a não perder, sexta-feira, dia 6 de Julho, às 22h00, em exclusivo no TVCine 2.

Repetição:  23 de Julho, segunda, às 12:30 de Angola, 13:30 de Moçambique, no TVCine 2. 

O poder da Mudança

Três filmes inspiradores sobre o poder da mudança.

São três filmes que não fizeram cinema em Portugal, multipremiados e com um elenco de luxo, que estreiam no País em exclusivo nos canais TVCine. Nesta tripla de filmes inéditos, dois deles baseados em factos verídicos, há outro denominador comum: são histórias inspiradoras, que mostram como circunstancias improváveis podem mudar o rumo de uma vida, quer no campo pessoal, espiritual ou profissional. Tão Diferentes Quanto Eu, sobre a forma como um casal reencontra a sua ligação, Marshall, a história do primeiro juiz afrodescendente do Supremo Tribunal de Justiça norte-americano e Roman J. Israel, Esq., sobre a vida de um advogado idealista que atravessa uma crise moral, são os filmes que integram este ciclo e que vão inspirar as noites de sábado, 7, 14 e 21 de Julho, às 21:30, em exclusivo no TVCine 1.

Tão Diferentes Quanto Eu

7 de Julho, Sábado, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1

Tão Diferentes Quanto Eu é uma história verídica sobre a amizade, a família e o perdão.  No filme, o bem-sucedido negociador de arte, Ron Hall (Greg Kinnear) e a sua mulher, Debbie (Renée Zellweger), aparentemente têm uma vida perfeita. No entanto, a sua fé e família são postas à prova quando Ron confessa uma relação adúltera, mas promete fazer tudo o que for preciso para recuperar a mulher. Debbie, uma mulher com o coração maior que o Estado do Texas, lança-lhe o desafio de ser voluntário na sopa dos pobres. Desta experiência nasce um laço improvável com um sem-abrigo (Djimon Hounsou) que os leva numa inesquecível viagem à amizade eterna. Tão Diferentes Quanto Eu, mostra como um simples ato de bondade pode mudar tudo. No conjunto, o elenco do filme totaliza 6 nomeações para os Óscares®, e a película recebeu o Grande Prémio do Júri no Winnipeg Real to Reel Film Festival, Canadá.

Marshall

14 de Julho, Sábado, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1

Marshall conta a história verídica de Thurgood Marshall. Antes de se tornar o primeiro juiz afrodescendente do Supremo Tribunal de Justiça Norte-Americano, Marshall (Chadwick Boseman) tem que enfrentar um caso que pode definir a sua carreira: defender Joseph Spell (Sterling K. Brown), um motorista negro acusado de atacar a sua chefe, uma branca da elite, mas que jura não ser o culpado do crime. O filme conta com uma nomeação para os Óscares® para Canção Original (Stand Up For Something, Common e Diane Warren) e venceu o Prémio do Público no Festival de Cinema de Chicago, para melhor argumento em língua inglesa.

Roman J. Israel, Esq.

21 de Julho, Sábado, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1

Roman J. Israel (Denzel Washington) é um advogado determinado e honesto que defende que os criminosos sejam julgados de forma justa, sem temer ir contra o sistema. Contudo, quando o seu sócio e mentor sofre um ataque cardíaco e morre, a sociedade de advogados onde trabalha fecha e Roman é convidado a integrar a equipa do ambicioso George Pierce (Colin Farrell), que se importa mais com o dinheiro do que com a justiça. O que ele não imaginava é que passaria a questionar seus próprios valores face aos perigosos bastidores do poder. Acaba por descobrir um grave esquema de corrupção e se não tomar medidas extremas, os danos serão irreversíveis. Em Roman J. Israel, Esq. Denzel Washington interpreta um dos papéis mais complexos da sua carreira, o que lhe valeu uma nomeação para o Óscar® de Melhor Actor em 2018. O filme venceu ainda o Truly Moving Picture Award no Festival de Heartland.

O Boneco de Neve

8 de Julho, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

Ao cair da primeira neve … o assassino voltará a atacar.

Michael Fassbender é o protagonista de O Boneco de Neve, um filme baseado no bestseller do norueguês Jo Nesbø, que narra a investigação de uma série de crimes com uma assinatura comum: um boneco de neve deixado junto às vítimas. Um filme que transpira suspense, dúvida e mistério até ao último segundo e que, de acordo com Fassbender, vai mudar para sempre a percepção positiva e afectiva que normalmente os bonecos de neve transmitem. O Boneco de Neve, uma estreia enigmática, dia 8 de Julho, domingo, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1.

Em O Boneco de Neve, Michael Fassbender (nomeado para Óscar® de Melhor Actor em ‘Steve Jobs’ e ‘12 Anos Escravo’) interpreta o papel do detective Harry Hole que investiga o desaparecimento de uma pessoa durante a primeira queda de neve do inverno. À medida que avança no caso, o polícia descobre que um boneco de neve pode ser a pista necessária para ligar este crime a outros anteriores. Sendo esta uma figura recorrentemente deixada junto dos locais do crime, Harry começa a associar o boneco de neve a uma tendência de um procurado assassino em série. O detective irá contar com a ajuda de uma equipa de investigação de elite para ligar décadas de casos não resolvidos a este.

O filme, que foi inteiramente filmado na Noruega, conta ainda com a participação de Rebecca Ferguson (‘Missão Impossível: Nação Secreta’), Charlotte Gainsbourg (‘O Dia da Independência: Nova Ameaça’), Val Kilmer (‘Heat – Cidade Sob Pressão’) e o vencedor de um Óscar® – J.K. Simmons (‘Whiplash – Nos Limites’).

 O Boneco de Neve é baseado no bestseller com o mesmo nome, da autoria do escritor e músico norueguês Jo Nesbø, que conta já com mais de 30 milhões de exemplares vendidos e traduzido em mais de 40 línguas.

O Boneco de Neve, uma estreia enigmática, dia 8 de Julho, domingo, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1.

IT

Sexta-feira, 13 de Julho, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

De que é que tens medo?

O filme conta a história de sete pré-adolescentes excluídos, que crescem na cidade de Derry, Maine, e que se auto intitulam Clube dos Falhados. Cada um deles tem sido ostracizado por alguma razão e cada um tem um alvo nas costas, marcado pelo grupo local de bullies... todos já viram os seus medos interiores ganharem vida, sob a forma de um predador antigo que se transforma, a quem eles só conseguem chamar “IT”. Desde que Derry existe, tem sido local de caça desta entidade, que emerge dos esgotos a cada 27 anos para se alimentar dos medos das presas escolhidas: as crianças. Juntos, durante um verão horrível mas estimulante, os “falhados” criam um elo para ultrapassarem os seus próprios medos e terminarem definitivamente com o ciclo de mortes que, desta vez, começa num dia chuvoso, com um pequeno rapaz a seguir um barco de papel, levado pela água para uma sarjeta... e directamente para as mãos de Pennywise, um palhaço.

Publicado pela primeira vez em 1986, It foi escrito por Stephen King e tornou-se um clássico instantaneamente. Continua actualmente a ser mencionado como um dos melhores e mais influentes trabalhos do incontestável mestre literário de terror, inspirando inúmeros filmes e projetos de televisão nos anos que se seguiram.

It conta no elenco com Bill Skarsgård (Atomic Blonde e da série Divergente: Convergente), como o vilão Pennywise. O grupo de jovens actores inclui Jaeden Lieberher (Midnight Special), Jeremy Ray Taylor (Alvin e os Esquilos: A Grande Aventura), Sophia Lillis (37), Finn Wolfhard (Stranger Things), Wyatt Oleff (Guardiões da Galáxia), Chosen Jacobs (Cops and Robbers), Jack Dylan Grazer (Tales of Halloween), Nicholas Hamilton (Capitão Fantástico) e Jackson Robert Scott, que se estreia no grande ecrã. Muschetti realiza o filme a partir do argumento de Chase Palmer, Cary Fukunaga e Gary Dauberman.

Repetição: 23 de Julho, segunda-feira, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1

O Quadrado

13 de Julho, sexta-feira, às 22:00 de Angola, 23:00 de Moçambique, no TVCine 2

Uma instalação artística pela humanidade

O Quadrado, do sueco Ruben Östlund, é uma sátira ao hermético mundo da arte contemporânea e o ponto de partida para uma reflexão profunda sobre o comportamento humano e a forma como reagimos perante situações extremas. Multipremiado, com seis Prémios da Academia Europeia de Cinema, vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes e nomeado para o Óscar® de melhor Filme Estrangeiro em 2018, O Quadrado é um ensaio artístico que faz questionar quanta crueldade é precisa para despertar a nossa humanidade. O filme conta com interpretações de Elisabeth Moss (Handmaid’s Tale), Dominic West (The Affair) e Claes Bang. A obra de arte estará patente no TVCine 2, dia 13 de Julho, sexta-feira, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique. Uma exposição a não perder.

Se imaginarmos um quadrado desenhado no chão, que delimita um santuário onde as pessoas têm direitos e deveres iguais, percebemos a instalação de arte que está no centro de O Quadrado.

No filme, Christian (Claes Bang) é o respeitado curador de um museu de arte contemporânea; homem divorciado e bom pai dos seus dois filhos, que conduz um carro eléctrico e apoia boas causas. A sua próxima exposição, ‘O Quadrado’, é uma instalação que pretende evocar o altruísmo em quem a vê, recordando-nos o nosso papel enquanto seres humanos responsáveis pelo próximo. Mas às vezes é difícil viver à altura dos nossos ideais: a resposta descuidada de Christian ao roubo do seu telefone vai conduzi-lo a situações das quais se envergonha. Entretanto, os Relações Públicas do museu criam uma campanha inesperada para ‘O Quadrado’. A reacção é inflamada e lança Christian, bem como o próprio museu, numa crise existencial. Se, de um lado, se identifica com os valores divulgados pelo santuário, também revela fissuras por onde escapam contradições.

Assassino Americano

15 de Julho, domingo, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1

Sede de vingança ao serviço do contraterrorismo.

‘Assassino Americano’conta-nos a história de Mitch Rapp (Dylan O’Brien), um jovem recruta de apenas 23 anos surpreendido na praia por um ataque terrorista que mata a sua noiva, Katrina (Charlotte Veja). A diretora-adjunta da CIA, Irene Kennedy (Sanaa Lathan), nomeia Stan Hurley (Michael Keaton), um veterano da Guerra Fria, para treinar um devastado, mas altamente motivado Rapp, para combater as operações terroristas e encontrar os seus responsáveis. Juntos, vão investigar uma série de ataques a militares e civis, aparentemente aleatórios. No entanto, acabam por descobrir um padrão nos ataques e terminam numa missão conjunta com uma agente turca, Annika (Shiva Negar) para deter um suspeito denominado “Fantasma” (Taylor Kitsch), prestes a desencadear uma Guerra Mundial no Médio Oriente.

Com uma acção constante, um ritmo alucinante e um realismo brutal, Assassino Americano revela que por trás do olhar de aço do maior herói da nação está um jovem desejoso de se transformar num assassino…

Repetição:  25 de Julho, quarta-feira, às 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique 

Star Wars: Os Últimos Jedi

20 de Julho, sexta-feira, às 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

Uma visão inovadora de STAR WARS

No novo filme’Star Wars: O últimos Jedi’, a tranquila e solitária vida de Luke Skywalker sofre uma reviravolta quando conhece Rey, uma jovem que mostra fortes sinais da Força. O desejo dela aprender o estilo dos Jedi, força Luke a tomar uma decisão que mudará a sua vida para sempre. Enquanto isso, Kylo Ren e o General Hux lideram a Primeira Ordem para um ataque total contra Leia e a Resistência pela supremacia da galáxia

Heróis e vilões fundem-se e misturam-se numa história repleta de altos e baixos, mas que nunca perde de vista a missão principal: mostrar a jornada de seus protagonistas, Rey e Kylo Ren. O filme afasta-se da premissa tradicional do bem e mal traçados como opostos, conseguindo a proeza de misturar os conceitos não só na dupla principal, mas em grande parte do elenco - novas e antigas personagens. Demonstrando devoção sem receio, Johnson abre novos caminhos naquele que é considerado o capítulo menos convencional de todos.

O filme é protagonizado por Mark Hamill, Carrie Fisher, Adam Driver, Daisy Ridley, John Boyega, Oscar Isaac, Lupita Nyong’o, Andy Serkis, Domhnall Gleeson, Anthony Daniels, Gwendoline Christie, Kelly Marie Tran, Laura Dern e Benicio Del Toro. Star Wars: Os Últimos Jedi é realizado por Rian Johnson e produzido por Kathleen Kennedy e Ram Bergman. J.J. Abrams, Tom Karnowski e Jason McGatlin são os produtores executivos.

Repetição:  30 de Julho, segunda-feira, às 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique 

Detroit

26 de Julho, quinta-feira, às 23:00 de Angola, 00:00 de Moçambique, no TVC 4

O realismo de Kathryn Bigelow como esboço da história.

‘Detroit’, o mais recente filme de Kathryn Bigelow, a primeira mulher a ganhar um Óscar® de Melhor Realização (Estado de Guerra), retrata uma das maiores crises sociais americanas durante o conflito civil que destruiu a cidade de Detroit.  O filme oscila entre o ficcional e o documental e revisita os acontecimentos históricos que ocorreram na noite de 25 para 26 de Julho de 1967, no Motel Algiers, recorrendo a imagens reais.

Dois dias após o caos que levou à chamada do exército para acalmar os tumultos, registaram-se disparos no Motel Algiers. Nessa mesma noite, várias forças policiais interrogaram os hóspedes recorrendo à força e a um "jogo de morte" na tentativa de intimidar alguém a confessar o crime. No final dessa noite, três homens foram atingidos por armas de fogo e muitos outros homens e mulheres foram brutalmente agredidos.

Ainda hoje, mais de 50 anos depois deste momento crucial da história americana, o tema dos direitos civis continua atual. Naquele mês de Julho, em 1967, após a crescente agitação social e política, devido à escalada do envolvimento militar do país na Guerra do Vietname e a décadas de injustiça racial e repressão, parte de Detroit foi completamente dizimada. A raiva e tensão eram crescentes, numa das cidades americanas com maior descriminação devido às disparidades raciais na habitação, educação e ao crescente desemprego nas comunidades afro-americanas.

Cerca de 60.000 residentes de ‘rendas baixas’ viviam em condições miseráveis em apartamentos subdivididos. O Departamento de Polícia de Detroit, que tinha apenas cerca de 50 afro-americanos na época, era visto como um exército de ocupação branco. Acusações de perfil racial e brutalidade policial eram comuns entre os residentes negros de Detroit. Os distúrbios de Detroit de 1967 foram os tumultos mais violentos e destrutivos da história dos EUA. Ao fim de cinco dias de tumultos, com cerca de 7.000 soldados da Guarda Nacional e do Exército envolvidos, contabilizaram-se 43 mortos, 342 feridos e cerca de 1.400 edifícios queimados.

Repetição:  27 de Julho, sexta-feira, às 07:55 de Angola, 08:55 de Moçambique, no TVCine 4       

Pai Há Só Um… ou Dois

27 de Julho, sexta-feira às 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

Será que a família resiste a dois pais e dois avôs?

Depois do êxito Pai Há Só Um chega Pai Há Só Um… Ou Dois, que marca o regresso de Mark Wahlberg e Will Ferrell, a quem se juntam os “avôs” Mel Gibson e John Lithgow. Considerada uma das comédias do ano em 2017, Pai Há Só Um… Ou Dois é um filme familiar que promete momentos de pura descontração e muitas gargalhadas. Será que o equilíbrio alcançado no fim do primeiro filme vai resistir à chegada dos avôs da família? Uma revelação a não perder dia 27 de Julho, sexta-feira, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVCine 1.

Em Pai Há Só Um… Ou Dois, Will Ferrell interpreta Brad, o padrasto dos filhos de Sara (Linda Cardellini). Mark Wahlberg é Dusty, o pai biológico das crianças, que se junta à família para proporcionar o Natal perfeito aos filhos. Depois de muito se esforçarem por acertar agulhas, Brad e Dusty – marido e ex-marido de Sarah – tornaram-se amigos inseparáveis. Para que todos se sintam felizes, decidiram dar um passo em frente e fazer juntos uma grande festa de Natal. Esta união de esforços é posta à prova quando chegam os avôs - o pai de Dusty, protagonizado por Mel Gibson, um machão da velha guarda, e o pai de Brad, papel interpretado por John Lithgow, um homem afetivo e emocional. Irão conseguir ter o Natal perfeito ou… será o caos completo?

Pai Há Só Um… ou Dois é, novamente, realizado e co escrito por Sean Anders (Chefes Intragáveis 2).

Repetição:  28 de Julho, sábado, às 07:40 de Angola, 08:40 de Moçambique, no TVCine 1              

Sorte à Logan

28 de Julho, sábado, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

A comédia a alta velocidade de Soderbergh

A comédia Sorte à Logan marcou o regresso de Steven Soderbergh, vencedor de um Óscar® pela rNeste filme sobre um assalto em máxima rotação, do galardoado realizador Steven Soderbergh, Jimmy Logan (Channing Tatum), um homem de família da Virgínia Ocidental, encaminha Clyde (Adam Driver), o seu irmão maneta, e Mellie (Riley Keough), a sua irmã cabeleireira, para um elaborado esquema para roubar a pista de corrida de Charlotte Motor Speedway, na Carolina do Norte. Para os ajudar a aceder ao sistema subterrâneo de armazenamento de dinheiro da pista, Jimmy recruta Joe Bang (Daniel Craig), um instável especialista em demolições. Para complicar o plano, já por si arriscado, um imprevisto obriga-os a executar o assalto durante a Coca-Cola 600, a corrida de NASCAR mais popular do ano.

Enquanto levam a cabo este ambicioso projeto, os azarados dos Logan têm ainda de enfrentar um obstáculo: uma implacável agente do FBI (Hilary Swank), que começa a investigar o caso.

Sorte à Logan conta ainda com Seth MacFarlane, Katie Holmes, Katherine Waterson, Dwight Yoakam, Sebastian Stan, Brian Gleeson e Jack Quaid no elenco.

O filme foi gravado durante o verdadeiro campeonato da NASCAR Coca-Cola 600 e no Atlanta Motor Speedway, em Hampton, Geórgia.

Olha Que Duas

29 de Julho, domingo, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique, no TVC 1

Metes-te com a filha…levas com a mãe.

Depois de o namorado a deixar em vésperas de umas férias exóticas, a impetuosa e sonhadora Emily Middleton (Amy Schumer) convence a sua conservadora mãe, Linda (Goldie Hawn) a viajar com ela para o paraíso. Por insistência de Emily, as duas embarcam numa aventura, mas acabam por ser raptadas. Polos opostos, Emily e Linda percebem que trabalhar as suas diferenças como mãe e filha - de forma imprevisível e hilariante - é a única maneira de escaparem à selvagem armadilha em que caíram. Poderá uma filha falhada conseguir ser respeitada por ter salvo a mãe?

Uma divertida paródia no feminino, que promete momentos de pura boa disposição, a não perder dia 29 de Julho, domingo, 21:30 de Angola, 22:30 de Moçambique em exclusivo no TVCine 1.

O Gangue do Parque

29 de Julho, 15:30 de Angola, 16:30 de Moçambique, no TVC 1

O Gangue está de volta para salvar o parque.

Em ‘O Gangue do Parque 2’, quando o grupo de amigos pensa que finalmente pode descansar com a quantidade de mantimentos que tinha conseguido apanhar, algo inesperado acontece: a loja dos frutos secos explode e com ela toda a comida! Para piorar ainda mais a situação, Flecha e o seu gangue ficam em pânico ao saber que o diabólico Presidente da Câmara, Muldoon, quer demolir o Parque da Liberdade para construir um parque de diversões. Empenhados em impedir a destruição do seu habitat, convocam todos os roedores do bosque e da cidade, seus novos aliados, e rebelam-se contra os responsáveis pelo empreendimento, antes que percam o seu santuário para sempre! Mas tudo se complica quando Muldoon resolve contratar uma empresa de controlo de pragas...

Com realização de Cal Brunker (Fuga do Planeta Terra) esta comédia de animação para os mais pequenos continua a história narrada, em 2014, por Peter Lepeniotis. Na dobragem em português, o elenco de vozes inclui Manuel Marques, Mila Belo, Ricardo Carriço, Sónia Tavares, Tiago Teotónio Pereira, Filipa Areosa, José Mata, Ricardo Monteiro, Bruno Ferreira e José Jorge Duarte.